quarta-feira, 17 de junho de 2009

ATIVIDADE 02 - COMO PODEMOS COMPREENDER O QUE É LETRAMENTO DIGITAL

Para Buzato (2003) pessoas alfabetizadas não são necessáriamente letradas. Saber ler e escrever, isto é, codificar e decodificar mensagens escritas na maioria das vezes garante uma argumentação concisa ou um grau de compreensaõ amplo o sufuciente para compreender e interpretar graficos, tabelas e/ou encontrar um livro em um catálogo. Segundo o autor, possuir tais competências constituim o estágio de letramento, pois não se limita apenas a codificar ou decodificar a escrita, mas sim de inseri-se em práticas sociais.
Faça um comentário que possa demonstrar sua compreensão a respeito do tema, você pode apresentar uma argumentação contrária ou a favor do autor, além de poder apresentar uma nova proposta para o tema. Boa tarefa a todos e não se esqueçam de identificar o curso e ano no final do comentário.

7 comentários:

  1. tá certo que o mundo digital ajuda,mas nem tudo o que esta nela é assim digamos necessario,mas dá uma ajuda e facilita muitas outras coisas.
    Edson Costa Nº14 1ªano de letras

    ResponderExcluir
  2. Então seria o processo de letramento digital uma maneirta de desenvolver habilidades também de filtro na apropriação da informação?

    ResponderExcluir
  3. eu concordo com a opinião do autor, pois percebo que letrar significa algo maior que alfabetizar, letrar diz respeito a ensinar ler e escrever dentro de um contexto onde a escrita e a leitura tenham sentido e façam parte da vida do aluno.

    Murilo 1°A Letras

    ResponderExcluir
  4. O Brasil nos últimos anos vem diminuindo a taxa de analfabetismo e a evasão escolar, dados esses de extrema importância diante de entidades importantes, ex. ONU, mas na mesma proporção houve o surgimento do analfabeto funcional (consegue reconhecer as letras, mas não consegue entender o que lê e nem elaborar um enunciado, por mais curto que seja sobre um assunto genérico). E são funcionais porque não conseguem desenvolver seu senso critico, compreender seu papel político passando a ser consumistas de ideologias criadas pela classe dominante.
    Então, concordo com o autor pessoas alfabetizadas não são necessariamente letradas e diante deste universo digitalizados onde estão acessíveis as mais diversificadas informações, serviços, entretenimento etc. cabe a nós profissionais da educação ser um mediador de nossos alunos, para que eles façam usam de sua cidadania, desenvolvam seu senso critico e sejam atuante, incentivando a interação, assim como nesse blog, mediar o debate, a troca de idéias para construção de sujeitos autônomos, capazes de filtrar a enxurrada de informações que lhes são disponibilizadas diariamente.
    Cristiane – 1º ano matemática – Campus Osasco.

    ResponderExcluir
  5. Concordo com Buzato, pois para sermos completamente letrados, principalmente no mundo digital, precisamos estar sempre em constante aperfeiçoamento buscando novos conhecimentos e nos interagindo com a sociedade.
    Sebastiana Rodrigues de Oliveira
    1º ano de Pedagogia, noturno

    ResponderExcluir
  6. O autor brevemente distingue: letramento x alfabetização. Um assunto que chega a confundir muitos educadores. Letramento decorre das práticas sociais que leituras e escritas exigem nos diferentes contextos que envolvem a compreensão e expressão lógica e verbal. É a função social da escrita. Enquanto que a alfabetização se refere ao desenvolvimento de habilidadesda leitura e escrita.

    ResponderExcluir